Descontos de Empréstimos Consignados Exorbitantes: Juíza Determina Limite de 35%

Picture of Equipe RFADVS

Equipe RFADVS

Se preferir, vá direto ao ponto..

Descubra o caso em que uma juíza afastou a aplicabilidade do tema 1085 do STJ para reconhecer a violação ao mínimo existencial de uma cliente devido aos descontos exorbitantes realizados pelo banco em empréstimos consignados. Entenda o que diz o tema 1.085 do STJ e qual foi o entendimento do juízo nesse processo. Saiba mais sobre a decisão da juíza de limitar os descontos a 35% dos vencimentos da consumidora e a multa estabelecida para proteger seus direitos. Se você tem dúvidas sobre os limites legais para descontos consignados, entre em contato com nosso escritório e converse com um especialista.

Limite de Descontos em Empréstimos Consignados

Uma recente decisão judicial trouxe à tona a questão dos descontos exorbitantes realizados por bancos em empréstimos consignados. A juíza Karen Rick Danilevicz Bertoncello determinou que um banco limite os descontos de empréstimos consignados em 35% dos vencimentos de uma cliente, afastando a aplicabilidade do tema 1085 do STJ no caso.

O caso concreto

Um tenente da Polícia Militar, cliente do banco, teve seus rendimentos líquidos de R$ 9,7 mil reduzidos em R$ 5,3 mil devido a descontos de empréstimos consignados em folha de pagamento e conta corrente.

Esses descontos representavam mais de 54% de seus vencimentos, levando a uma situação de endividamento preocupante.

O tema 1085 do STJ

O tema 1085 do STJ trata da aplicabilidade da limitação de 30% prevista na Lei n. 10.820/2003 para empréstimos bancários livremente pactuados, com previsão de desconto em conta corrente, mesmo que a conta seja utilizada para o recebimento de salário.

Segundo o entendimento do STJ, os descontos são lícitos desde que previamente autorizados pelo mutuário.

O entendimento do juízo

No caso em questão, a juíza afastou a aplicabilidade do tema 1085 do STJ, pois a situação da consumidora não se encaixava no contexto de consumidor superendividado.

A magistrada reconheceu a violação à dignidade humana diante do endividamento da cliente e determinou que os descontos fossem limitados a 35% dos vencimentos líquidos.

Multa para proteger os direitos da consumidora

A juíza também estabeleceu uma multa de 01 (um) salário-mínimo por dia caso o banco inscreva o nome da consumidora no SPC/Serasa ou emita títulos para protesto da dívida enquanto o caso estiver pendente de julgamento.

Essa medida visa proteger os direitos da cliente e garantir que suas informações não sejam utilizadas de forma indevida durante o processo.

Protegendo-se dos Descontos Exorbitantes

A decisão da juíza destaca a importância de limitar os descontos em empréstimos consignados para proteger a dignidade e o mínimo existencial dos consumidores.

Caso você tenha dúvidas sobre os limites legais para descontos consignados ou esteja enfrentando descontos exorbitantes, entre em contato com nosso escritório e converse com um especialista para entender seus direitos e buscar a devida proteção.

Lembre-se de que é fundamental estar informado sobre seus direitos financeiros e contar com profissionais especializados para garantir sua segurança e bem-estar financeiro. (Processo: 5003113-70.2022.8.21.0089).

Avaliações​ do nosso escritório

Excelente
Com base em 175 avaliações
Carina Arruda
Carina Arruda
2024-05-09
Quero expressar minha sincera gratidão ao advogado Rodrigues Ferreira e sua equipe pelo excelente trabalho que estão realizando. Seu profissionalismo, dedicação e expertise têm sido fundamentais para enfrentar os desafios deste caso. Estou extremamente satisfeita com o comprometimento e a qualidade do serviço prestado. Muito obrigada pelo seu excelente trabalho!"
Gerson de Sousa Santos
Gerson de Sousa Santos
2024-05-06
Excelentes profissionais, ótimo atendimento altíssimo nível..
amada querida
amada querida
2024-05-03
Ótimo.um excelente profissional com muita capacidade . Eu recomendo.
Marcia Sacramento
Marcia Sacramento
2024-05-02
Super atenciosos
Luis Frosini
Luis Frosini
2024-05-02
E com clareza e verdade se dedicou em resolver meus processos
Marcel Grein
Marcel Grein
2024-04-30
Excelente atendimento, e muito prestativo. Tirou todas minhas duvidas, super recomendo.
Cristhian Heck
Cristhian Heck
2024-04-30
Excelente atendimento. Muito solícitos, tiram todas as dúvidas e já nos primeiros dias tivemos resultados que me ajudarão bastante nas próximas etapas.
Aline Melo
Aline Melo
2024-04-25
Excelente atendimento, ágil , e os advogados são muito prestativos e empáticos. Desde o primeiro contato fui sempre bem orientada pela Dra. Fernanda e o Dr. Fernando, além da equipe de atendimento. 👏
Maurino Ferreira
Maurino Ferreira
2024-04-24
Uma equipe muito prestativa super recomendo .

Está superendividado?

A lei do superendividamento pode te ajudar!